“Prefeito de Simões Filho me xingou de vagabundo”, afirma radialista
Mata de São João

“Prefeito de Simões Filho me xingou de vagabundo”, afirma radialista

O clima na política do município de Simões Filho, Região Metropolitana de Salvador (RMS), não podia estar mais quente. A confusão da vez foi a briga do prefeito Eduardo Alencar com o radialista Roque Santos.

O radialista fazia críticas contra a gestão do prefeito Eduardo Alencar, do PSD, em seu programa, na manhã da última quinta-feira (04), o gestor não gostou quando Roque Santos disse que a cidade estava abandonada, ligou para radialista o ameaçou, xingou de vagabundo e chamou para a briga. Então, na manhã desta sexta-feira (05), o radialista usou seu programa para responder às agressões do prefeito.

alencar-horz

O radialista começou dizendo que é um cidadão de bem, de paz e que tem um compromisso com a verdade, que não quer saber de briga. “Se o senhor quiser brigar comigo eu sou o primeiro a correr. Espero que o senhor, que já está com idade avançada pra correr, pra tentar me pegar, não caia também e acabe quebrando uma perna (…) Eu não sou lutador (…) Se eu fosse lutador eu não estaria aqui apresentando programa eu ia participar das Olimpíadas (…) Isso aí ficou para os fracos, esse tom de intimidar, de ameaçar.” Disparou Roque Santos.

Sobre ter sido chamado de vagabundo pelo prefeito o radialista disse: “Outra coisa também que o senhor me chamou, eu não sou vagabundo prefeito. Não sou vagabundo, porque um vagabundo não cria dois filhos. Tô criando ainda, com o suor do meu rosto. (…) Um vagabundo, prefeito, não começa a trabalhar aos sete anos. Um vagabundo, prefeito,não dorme três, quatro horas por dia trabalhando e estudando (…) Então, vagabundo não faz isso.(…) Vagabundo faz outras coisas que eu não nem gostaria de externar aqui, porque o senhor sabe muito bem oque é que o vagabundo faz.” Alfinetou o radialista.

Roque Santos ainda afirmou que perdoava o prefeito pelas agressões verbais, pois acreditava que Eduardo Alencar não acordou num dia muito bom e resolveu descontar no radialista. “Deve ter acordado naquele dia que não foi o dia de Eduardo. Deve ter recebido uma notícia ruim que eu não sei qual foi a notícia. Deve ter discutido com alguém que eu não sei quem é esse alguém e resolveu dizer assim: Eu vou descarregar contra Roque Santos.”

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top