Bahia caminha para ser o principal produtor de energia solar do país
Cidades

Bahia caminha para ser o principal produtor de energia solar do país

A Bahia receberá mais de R$ 700 milhões, que serão investidos no segmento de energia renovável. Isso vai gerar 650 novos empregos diretos e quase 11 mil indiretos. No primeiro semestre de 2016, o segmento de eletricidade e gás foi o responsável pela maior parte dos investimentos aplicados na Bahia. A italiana Enel Green Power, para a implantação de um parque solar em Tabocas do Brejo Velho, prevê aportar R$ 458 milhões e gerar 350 novos empregos diretos e 800 indiretos.

Será a maior usina de energia solar da América Latina, capaz de gerar energia para atender às necessidades de consumo de mais de 108 mil lares brasileiros. Já a Globo Brasil, primeira grande indústria de painéis solares do país, inaugurada há cerca de um ano, em Valinhos, São Paulo, vai assinar protocolo de intenções com o governo baiano para fabricar painéis solares em Camaçari. Com prazo de implantação de 15 meses, a empresa investirá, na fábrica baiana, um montante de R$ 244 milhões.

O novo investimento criará 300 empregos diretos e contribuirá para cerca de 10 mil novos indiretos. “É de grande importância para a economia baiana, a chegada de novos investidores. Com isso, teremos mais empregos, principalmente para profissionais técnicos, que são mais especializados e atualizados. Isso sem falar nos benefícios que Camaçari vai ganhar, como cidade”, explica Anderson Braga, sócio mantenedor do CETTPS, instituição de ensino técnico localizada na cidade.

Comentar essa notícia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ir ao topo